• Joice Viana

SAÚDE MENTAL DOS ENFERMEIROS (AS) NA PANDEMIA

Pesquisa realizada pela Unoeste, em parceria com o Coren-SP, visa entender os impactos psicológicos durante o enfrentamento ao COVID 19

Estudo realizado pela Universidade do Oeste Paulista (Unoeste) em parceria com o Conselho Regional de Enfermagem (Coren-SP) no estado de São Paulo, região com a maior concentração de profissionais de enfermagem do Brasil - mais de 583 mil, o que representa 25,1% - tem como objetivo avaliar o impacto psicológico, traçar medidas de enfrentamento e de fortalecimento desses trabalhadores que estão na linha de frente do combate ao Corona Vírus.


Segundo a professora universitária do curso de enfermagem da Unoeste e autora da iniciativa da pesquisa, mestra Mariana Carolina Vastag Ribeiro de Oliveira, os profissionais de enfermagem representam o maior número de profissionais da área de saúde. Nesta situação atípica da pandemia existem dúvidas, aumento do estresse e sentimentos que, embora esperados, em excesso ampliam a vulnerabilização. Então, a pesquisa na linha da saúde mental quer saber do próprio profissional como está sendo tudo isso para ele.


Com os resultados, a universidade e o Coren-SP irão traçar medidas de enfrentamento e, principalmente, de fortalecimento da categoria. O levantamento, sustentado por metodologia científica, ocorre com a aplicação de entrevista estruturada para a coleta de dados sociodemográficos e ocupacionais mediante escala de saúde mental para identificar o impacto psicológico e as relações de vulnerabilidade quanto a ansiedade e esgotamento profissional.


Conforme Mariana, que assina a pesquisa juntamente com Eduarda Ribeiro dos Santos e Érica Chagas Araújo, respectivamente secretária e conselheira do Coren-SP, o questionário poderá ser respondido até 31 de julho, mas o apelo é para que os profissionais de enfermagem respondam o quanto antes possível. O tempo médio de preenchimento é de 5 a 8 minutos.  Serão divulgados resultados parciais e o final, após o trabalho estatístico, que está previsto para setembro.


Convido todos os profissionais de enfermagem de São Paulo, que estão trabalhando na linha de frente de combate ao Covid 19, a responderem o questionário que está disponível aqui. Contribua com o estudo para que soluções de apoio sejam planejadas, evitando que seus colegas desenvolvam doenças mentais no futuro ou até mesmo durante a pandemia, podendo ser afastados ou interferir no atendimento aos pacientes.

FLUIRDAMENTE

NEWSLETTER

  • Facebook - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo
  • YouTube - círculo cinza

© 2020 by Fluirdamente created with Wix.com